Modernização já é realidade em Câmaras municipais gaúchas

por Dôra Nunes — publicado 04/05/2007 16h02, última modificação 04/05/2007 16h03
Projeto Piloto de Modernização (PPM) do Interlegis entrega equipamentos e técnicos realizam diagnósticos nas Casas. Próximo passo é a instalação dos computadores e capacitação dos servidores

As Câmaras Municipais de Ibirubá e São Francisco de Assis, no interior do Rio Grande do Sul, receberam entre os dias 23 e 27 de abril, técnicos do Interlegis para a realização dos diagnósticos que irão definir a atuação do PPM em cada uma das Casas. Nas reuniões com parlamentares e servidores, os técnicos do Interlegis coletaram informações sobre administração, infra-estrutura física, tecnológica e de comunicação, processo legislativo e capital humano das duas Câmaras gaúchas.

 

O município de Ibirubá, a 296 km de Porto Alegre tem cerca de 20 mil habitantes (dados do IBGE) e as maiores fontes de renda são a transferência do ICMS e FPM e agricultura e os maiores gastos são pessoal, educação e saúde, de acordo com sondagem feita pelo Interlegis com os vereadores. A Câmara tem nove vereadores e é presidida por Alberi Behnem (DEM). O presidente já considera a implantação do PPM na Câmara um fato concreto. “Estamos vendo a implantação como uma ferramenta muito importante para nós e futuramente, em outras legislaturas, essas ferramentas vão ajudar muito no trabalho da Casa”.

 

O município de São Francisco de Assis está localizado a 434 km de Porto Alegre, tem população de cerca de 21 mil habitantes (IBGE), as maiores rendas são transferência do Estado (ICMS) e da União (FPM) e os maiores gastos são com pessoal, saúde e obras públicas, de acordo com os vereadores. A Câmara tem nove parlamentares e é presidida atualmente por Aldemir Roos (PP). O vice-presidente da Casa, Antonio Erbice (PP), fez a apresentação dos técnicos do Interlegis em plenário e disse que o trabalho iniciado ali será de suma importância para o futuro da Câmara. “Estar ligado ao Interlegis facilitará muito o nosso trabalho. O projeto que vai ser desenvolvido aqui vai somar muito para a Câmara e para o município”.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.