Interlegis fortaleceu parcerias em 2017

por Virgínia Barbosa Leite publicado 26/01/2018 10h31, última modificação 26/01/2018 10h31
Como resultado, as casas legislativas e os servidores receberam mais treinamentos

Entre as conquistas do Interlegis em 2017 está o fortalecimento das relações com instituições parceiras e a celebração de novas sociedades. Além de Câmaras, Assembleias e Escolas do Legislativo, o Programa Interlegis também confirmou a sinergia de propósito com diversas associações privadas com as quais trabalhou durante o ano.

Quando o presidente da Associação Paulista de Municípios, Carlos Alberto Cruz Filho, esteve na sede do Interlegis, o propósito da visita foi, buscar a “expertise do Interlegis para levar aos municípios e ajudar as Câmaras a terem gestões mais eficientes”, explicou.

Em abril o Interlegis recebeu representantes da União dos Vereadores do Rio Grande do Norte (UVERN) para discutirem como a parceria entre as duas entidades poderia beneficiar o maior número possível de Câmaras Municipais no Estado e a União de Vereadores de Tocantins pediu ajuda ao ILB em eventos e capacitação de vereadores.

Representantes do Ministério da Agricultura também visitaram o Interlegis naquele mês. O objetivo, conforme explicou o coordenador-geral de Tecnologia e Informação do Ministério, João Henrique Gouveia, era ter a colaboração do Interlegis no projeto de manutenção de normas do agronegócio utilizando ferramentas do Sistema de Apoio ao Legislativo (SAPL). Gouveia foi coordenador de Tecnologia da Informação no ILB.

Com a Confederação Nacional dos Municípios (CNM), o Interlegis fez uma participação especial durante a XX Marcha da CNM, em maio, em Brasília, quando o então coordenador-geral do ILB, Paulo Viegas, falou para mais de 500 pessoas sobre a capacitação que o Instituto proporciona a servidores públicos da esfera federal, estadual ou municipal seja por meio de cursos a distância, seja por meio das Oficinas Interlegis.

A União de Vereadores de Santa Catarina (Uvesc) também marcou presença na sede do ILB quando, buscou o Instituto para acertar a realização de oficinas de capacitação para os novos vereadores que assumiram seus mandatos em 2017. Cerca de 78% dos que ocupavam a função no Estado se encaixavam no perfil.

Além dessas parcerias, o ILB também assinou convênios com o TSE, TCU e realizou ações com o BID e com o Sindicato dos Servidores do Poder Legislativo e Federal (Sindilegis) para o desenvolvimento de novos cursos e especializações.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.