Escola do Legislativo de Aracaju procura Interlegis por ser referência em capacitação

por Letícia Almeida Borges publicado 12/07/2018 18h05, última modificação 12/07/2018 18h08
Diretor quer reativar parceria com cursos e oficinas

O diretor da Escola do Legislativo da Câmara Municipal de Aracaju, Vander Costa, assumiu o cargo no final do ano passado, mas encontrou uma situação de quase inatividade. Decidiu, então, promover alguns cursos e, assim que pôde, procurou o Programa Interlegis:

- Trata-se de uma referência quando pensamos em capacitação para o Legislativo – disse ele, nesta quinta-feira, 12/07, ao visitar a sede do Programa.

Wander Costa foi recebido por Francisco Etelvino Biondo, coordenador de Planejamento e Relações Institucionais do Instituto Legislativo Brasileiro (ILB), órgão de capacitação do Senado ao qual o Interlegis está vinculado. Ele disse que queria conhecer a estrutura e que o Programa poderia oferecer à Escola.

Biondo fez uma explanação sobre os produtos e serviços que o Interlegis disponibiliza – sem custos – para as casas legislativas e os caminhos para solicitá-los. Explicou como funcionam as oficinas que são realizadas em geral para várias Câmaras simultaneamente, seja para que servidores aprendam a utilizar ferramentas tecnológicas, como o Portal Modelo e o Sistema de Apoio ao Processo Legislativo, ou as de outra natureza, como a de revisão de Marcos Jurídicos (Lei Orgânica Municipal e Regimento Interno).

Também falou sobre cursos de capacitação à distância e os demais que são oferecidos apenas para servidores do Senado e de órgãos conveniados. E, ainda, sobre a contrapartida que se espera das casas legislativas, que deve ser a de manter os serviços em funcionamento ou, no caso de oficinas, fornecer a infraestrutura para os treinamentos.

Vander Costa disse que vai solicitar a realização de oficinas ainda para o segundo semestre deste ano e, talvez, para o primeiro semestre do ano que vem. Provavelmente, deve iniciar pela reativação das ferramentas tecnológicas, já que o convênio do Interlegis com a Câmara está paralisado e, em seguida, pela de Marcos Jurídicos.

 

 

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.