Encerrada em João Pessoa a primeira edição da Oficina de Comunicação Integrada

por Letícia Almeida Borges publicado 24/08/2018 18h50, última modificação 26/08/2018 22h16
De cerimonial a mídias sociais, passando por publicidade e assessoria, evento abordou vários temas
Encerrada em João Pessoa a primeira edição da Oficina de Comunicação Integrada

Fotos Olenildo Nascimento - CMJP

Por Luís Carlos Fonteles, de João Pessoa

 

Foi concluída, nesta sexta-feira (24), A primeira Oficina Interlegis de Comunicação Integrada, na Câmara Municipal de João Pessoa (PB). O evento contou com a participação de cerca de 70 profissionais de câmaras de vereadores de diversos municípios da Paraíba, do Rio Grande do Norte e de Pernambuco.

Durante os dois dias de treinamento, foram abordadas todas as áreas da comunicação institucional, como o cerimonial público, a organização de eventos, a assessoria de imprensa, as redes sociais e a publicidade e marketing. O diferencial da oficina foi apresentar essas áreas numa abordagem integrada e sistêmica, indicando de que modo cada uma delas pode impactar nos resultados das ações de comunicação das instituições públicas, com efeitos na imagem e na reputação junto ao público.

A conferência de abertura da oficina abordou o cerimonial oficial e foi ministrada por Francisco Biondo,  coordenador de Planejamento e Relações Institucionais do Interlegis. Ele destacou que o cerimonial público se distingue do cerimonial social e lembrou que ele é regido por leis e decretos, sendo fundamental para conferir caráter oficial aos atos e cerimônias públicas. Na ocasião, Biondo apresentou o case da cerimônia de compromisso constitucional e posse presidencial de 2003, da qual foi o organizador.

Ainda no dia 23, o coordenador-geral da Secretaria de Relações Públicas, Publicidade e Marketing, Cefas Siqueira, falou sobre a organização de eventos, em que mostrou aos participantes todas as fases de planejamento, execução e avaliação de solenidades oficiais. E os destaques foram a atual organização da posse presidencial de 2019 e o Programa Jovem Senador. Na oportunidade, o estudante paraibano Antônio Gomes da Silva Júnior falou aos presentes sobre as mudanças positivas em sua vida, a partir de 2015, ano em que obteve o primeiro lugar no concurso de redação do Senado pelo estado da Paraíba, que o levou a Brasília na condição de jovem senador.

Encerrando a programação do dia 23, Luís Carlos Fonteles, jornalista da assessoria de imprensa do Senado Federal, falou sobre o relacionamento das fontes com a imprensa, o gerenciamento de crises de imagem e as habilidades a serem desenvolvidas pelo profissional da área de assessoria. Mostrou, igualmente, ferramentas de trabalho usadas pelo Senado no dia-a-dia e que podem ser úteis na rotina das câmaras, como bancos de respostas, guias de fontes, controles de demandas de jornalistas e relatórios de desempenho.

Já nesta sexta-feira (24), Moisés Nazário, coordenador do Núcleo de Mídia Sociais do Senado, explicou o funcionamento das redes sociais e mostrou como é possível as câmaras municipais aumentarem a sua presença na internet e obterem maior engajamento dos internautas em torno dos conteúdos disponibilizados. Ele disponibilizou dados do uso das redes no Brasil e as características das principais plataformas, como o Facebook, o Instagram e o Twitter.João Pessoa

A publicitária Paula Cochrane, da Coordenação de Publicidade e Marketing do Senado, encerrou a oficina, apresentando o conceito de marca e a evolução do mercado nos últimos anos, além de uma matriz de elaboração de plano de comunicação institucional, como ferramenta a ser replicada em ações semelhantes nos legislativos municipais. Mostrou, ainda, cases de sucesso do Senado nessa área, como o Manual de Identidade Visual da Casa, as reformulações no Siga Brasil e a participação na Campus Party, realizada este ano em Brasília.

A Oficina de Comunicação Integrada é uma iniciativa do Programa Interlegis, com o apoio da Secretaria de Comunicação Social do Senado Federal.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.