COMUNIDADE - CM de São Paulo conhece sistema do processo legislativo do Interlegis implantado em Campinas/SP

por luizcar — publicado 17/02/2011 09h54, última modificação 17/02/2011 10h00
COMUNIDADE - CM de São Paulo conhece sistema do processo legislativo do Interlegis implantado em Campinas/SP

Servidores da CM de São Paulo conhecem sistema do Interlegis na CM de Caminas


Os colegas de Campinas apresentaram aos paulistanos o programa desenvolvido pelo Interlegis para a gestão do processo legislativo, disponível a todas as casas legislativas. A ferramenta - Sistema de Apoio ao Processo Legislativo,SAPL - dinamiza o trabalho parlamentar e facilita a transparência da atividae legislativa para a população. O parlamento campineiro também utiliza outro instrumento fornecido pelo Interlegis: o Portal Modelo.

Confira a matéria pubilcada assinada pela Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal de Campinas.

A Câmara Municipal de Campinas recebeu nesta terça-feira (15/02) a visita de uma equipe técnica da Câmara Municipal de São Paulo para conhecer o Sistema de Apoio ao Processo Legislativo (SAPL) utilizado pelo legislativo campineiro.

O programa foi desenvolvido há 11 anos pelo Interlegis, do Senado Federal, financiado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e congrega cerca de cem legislativos brasileiros. “É um software livre e de desenvolvimento colaborativo em que cada pessoa pode desenvolver uma nova ferramenta no sistema e disponibilizar aos demais para aperfeiçoamento do sistema”, conta Sérgio Damiati, responsável pelo setor de Informática da Câmara de Campinas.

O portal do legislativo campineiro é considerado padrão pelo Interlegis. “Somos modelo para muitas câmaras e sempre há troca de experiências entre os responsáveis pelo sistemas e hoje há outros legislativos que usam ferramentas desenvolvidas em Campinas”, explica Damiati.

A Câmara paulistana estuda o emprego das ferramentas Interlegis por conta de seus sistema, concebido na década de 90 estar obsoleto. O coordenador de Tecnologia da Informação da Câmara de São Paulo, Eduardo Miyashiro fala da avaliação do sistema. “Nós viemos conhecer os detalhes de como o serviço está à disposição do processo legislativo. Tiramos muitas dúvidas, conhecemos as diferenças entre o nosso sistema e o adotado aqui, pois a Câmara de Campinas tem um número de vereadores compatível com o legislativo paulistano”, comenta.

Nas próximas semanas a Câmara de São Paulo definirá se vai ou não aderir ao Interlegis.

O Interlegis oferece um serviço de capacitação profissional oferecido gratuitamente a parlamentares, assessores e servidores das casas legislativas. Também disponibiliza para as casas legislativas estaduais e municipais um modelo de portal, com o objetivo de contribuir para que possam levar ao usuário da internet todas as informações e serviços, tornando mais transparente as atividades dos parlamentares, além do SAPL que facilita a produção legislativa e o acompanhamento dos processos.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.