Interlegis faz diagnósticos em oito câmaras em setembro

por Karina Soares (est.) Edição: Luiz Carlos Santana de Freitas — publicado 01/10/2010 09h50, última modificação 01/10/2010 09h59
Os técnicos avaliaram a situação geral dos legislativos de Água Clara, MS, Patos de Minas, MG, Taquarussu, MS, Porto Nacional, TO, Cristalina, GO, Pinheiros, ES, Itabuna, BA e Alcobaça, BA.
Interlegis faz diagnósticos em oito câmaras em setembro

Câmara Minicipal de Patos de Minas, no Trângulo Mineiro

Em Patos de Minas, no Triângulo Mineiro, os avaliadores Fernando Lucas e Raimundo Júnior destacaram a boa organização da casa em relação às outras casas legislativas visitadas. A câmara da cidade mineira tem duas conexões à internet e a estrutura administrativa e legislativa está separada fisicamente.

Mesmo estando num patamar bem acima da média das câmaras municipais brasileiras, os gestores da casa mostraram-se interessados em implementar alguns produtos do Interlegis, para melhorar ainda mais os seus serviços para a comunidade local.

Os técnicos do Programa sugeriram a implantação do Portal Modelo e do SAPL (Sistema de Apoio ao Processo Legislativo), para a formação de uma base de dados legislativa e de um servidor Proxy para aumentar a velocidade da internet.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.