Interlegis dá início ao programa de modernização do parlamento da Guiné-Bissau

por Equipe Interlegis — publicado 08/10/2008 16h06, última modificação 15/10/2008 22h45
Interlegis enviou técnicos na área de Tecnologia de Informação para dar início ao trabalho de modernização da Assembléia Nacional da República da Guiné Bissau
Interlegis dá início ao programa de modernização do parlamento da Guiné-Bissau

Técnicos Vitor e Jean com o Secretário Geral da ANP, Sr. Orlando Artur da Silva

Portal da Assembléia da Guiné-Bissau

O Interlegis, enviou  os técnicos na área de tecnologia da informação do Programa Interlegis, Jean Rodrigo Ferri e Vitor Choi Feitosa, à República da Guiné-Bissau para dar início ao projeto de modernização da Assembléia Nacional guinense dentro do acordo de cooperação firmado pelo governo brasileiro e aquele país africano.

O acordo estabelece que as instituições envolvidas no projeto deverão realizar algumas atividades essenciais e outras que poderão trazer benefícios importantes como o aumento da eficiência e transparência na atuação do parlamento guinense.

O principal objetivo dos técnicos de TI  foi fazer a implantação do portal da Assembléia e transferir a tecnologia e o conhecimento, com resultados positivos, e mais alguns outros benefícios que também foram alcançados.

Resumidamente, as principais atividades realizadas foram: levantamento da situação dos recursos tecnológicos e humanos da Assembléia; implantação e publicação do portal da Assembléia Nacional Popular na web no endereço http://www.anpguinebissau.org, hospedado provisoriamente nos servidores do Programa Interlegis; melhoramentos na comunicação interna e externa do parlamento por meio da criação de contas de email (com a extensão @anpguinebissau.org) e da configuração do sistema de troca de mensagens instantâneas ("chats").

É da competência do Interlegis preparar o programa de treinamento dos funcionários do parlamento que virão a Brasília na próxima missão; oferecer suporte técnico online ou por telefone aos funcionários que foram treinados em Bissau e estão utilizando a versão do portal e preparar a sua implantação definitiva que deve ocorrer na  terceira missão.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.