Assembléia Legislativa do Espírito Santo lança Portal do Servidor

por monicaco — publicado 16/06/2008 15h48, última modificação 16/06/2008 15h49
A Assembléia Legislativa do Espírito Santo tem vários canais de interatividade com o servidor e agora lança o portal, onde o funcionário pode saber sua situação funcional entre outras informações importantes para o seu trabalho

A Assembléia Legislativa do Espírito Santo lançou no último dia 30 mais um canal de comunicação com os servidores, o Portal do Servidor, onde disponibiliza informações como o código de ética e o Regimento Interno da Casa.

Desenvolvido pela Secretaria de Comunicação Social, o Portal do Servidor faz parte de uma nova política de comunicação interna da Assembléia capixaba, que possui ainda mais quatro canais de interatividade com os funcionários.

Segundo o responsável pela comunicação interna da Casa, Nixon Flávio, há ainda um jornal de circulação interna, o Legis, uma proteção de tela corporativa onde se colocam as informações mais recentes. Citou como exemplo quando das comemorações do primeiro de maio, Dia do Trabalho, quando foram colocadas as fotos dos mais de 1.500 servidores como forma de homenagem.

Outro canal à disposição dos servidores é o jornal mural, composto de 17 painéis espalhados pelos dois prédios da Casa , para que sejam afixadas propagandas de todos os tipos.

Sobre o Portal do Servidor, Nixon Flávio afirma que o portal é pioneiro entre as assembléias, sendo o legislativo capixaba o primeiro a criar um espaço voltado exclusivamente para seu corpo de funcionários.

Segundo Nixon Flávio, a pagina do portal que está disponível é ainda experimental devendo sofrer modificações nos próximos dias para que possa se tornar mais interativa, onde o servidor poderá deixar sua opinião, fazer perguntas e conhecer principalmente como se dá a atividade legislativa.

Nixon Fávio também acha importante que a comunicação interna nas casas legislativas seja tema de uma discussão mais ampla, porque visto que, como afirma ,  esse tipo de interatividade ainda não está implantada nem em casas legislativos de grandes cidades
Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.