Crianças de 1ª a 4ª série têm seu primeiro contato com a democracia

por brendaortiz — publicado 19/11/2007 17h38, última modificação 19/11/2007 17h38
Eleições na Vila da Cidadania vão até 28 de novembro

Até 28 de novembro, 4200 crianças de 1ª a 4ª série de escolas públicas de Piraquara irão exercer pela primeira vez o direito ao voto. Através de um plebiscito, serão escolhidos quatro partidos que representarão os participantes da Vila da Cidadania, programa social do Instituto BS Colway. Os pequenos eleitores, que estréiam na “matéria” democracia,  criaram os próprios partidos. Dentre eles, estão o Partido Ecológico Mirim (PEM), Partido da Solidariedade Mirim (PSM) e Partido Ambiental Mirim (PAM).

 

A idéia é simples: formar cidadãos conscientes e responsáveis através de lições práticas de política e cidadania. A Vila da Cidadania reproduz o que acontece na vida real, inclusive a eleição de representantes políticos. Na Câmara Municipal da mini-cidade, serão escolhidos quatro partidos - entre os oito inscritos - que poderão lançar candidatos à prefeitura nas eleições do ano que vem, simultâneas às oficiais no País.

 

“O importante que eles entendam desde cedo a importância do voto,” comenta a coordenadora da Vila, professora Sandra de Deus. Na hora de escolher o partido, os pequenos terão uma urna eletrônica de verdade à disposição, além de mesários escoteiros do grupo Guardião das Águas, treinados por profissionais do Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

 

A colinha com a sigla dos partidos foi o melhor amigo dos alunos nas últimas semanas e ajudou Guilherme José, de sete anos, a decidir em qual partido votar. “Escolhi um partido que vai ajudar a natureza,” diz o garoto. Já Sara Kerstin, da mesma idade, gostou mesmo foi da urna. “Foi legal apertar os botões e poder decidir.” 

 

Tomar decisões é o principal desafio de quem vive a política pela primeira vez. O primeiro ciclo de cidadania idealizado na Vila - que completou um ano no dia da criança - se fechará em 2010, quando os primeiros, de sete anos, terão uma década de vida e representatividade política ainda maior. “Buscamos fazer com que a criança, no quarto ano, seja um agente de mudança, para que possa interagir conscientemente em sua escola, comunidade e família. Isso seria a realização de um sonho e com certeza é mais simples do que se pensa,” complementa Sandra.

 

Com mais de 50 mil m2 e dezenas de instalações que imitam uma cidade de verdade, a Vila da Cidadania atende crianças da rede pública de ensino de Piraquara, que visitam o espaço a cada 15 dias alternadamente. Monitores e pedagogos são treinados para introduzir crianças à vida adulta de forma humana e, juntamente com outros programas sociais, o Instituto BS Colway busca criar uma nova geração de brasileiros, socialmente responsáveis e politicamente esclarecidos.  

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.