Interlegis: dever cumprido

por Mônica Cocus — publicado 31/10/2007 13h28, última modificação 06/11/2007 11h10
Vários eventos estão sendo preparados para comemorar, na próxima quarta-feira (07), os dez anos de criação do programa Interlegis
Vários eventos estão sendo preparados para comemorar, na próxima quarta-feira (07), os dez anos de criação do programa Interlegis. Entre eles, uma Sessão Especial do Senado Federal e a nomeação do auditório do edifício-sede do programa como “Auditório Senador Antonio Carlos Magalhães”.

A sessão especial em homenagem ao Interlegis acontece às 11 horas, no plenário do Senado, e, a partir das 16 horas, a nomeação do auditório do Interlegis e o lançamento da Biblioteca Básica para as Câmaras Municipais, projeto inédito do Interlegis.

O senador Antonio Carlos Magalhães encampou, em sua primeira gestão à frente do Senado Federal, a idéia de criação do programa, contribuindo para a aprovação pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), do empréstimo para a sua implantação. Previamente, o Programa Interlegis era financiado apenas pelo Senado Federal, e com a parceria pôde se expandir, chegando às mais longínquas câmaras deste país.

Dever cumprido

O Programa Interlegis contou com a adesão de mais de 4.300 câmaras, 3.500 das quais receberam equipamentos, perfazendo um total de 63% de câmaras municipais do país.

O Interlegis ofereceu às Assembléias Legislativas salas de multiuso com equipamentos de videoconferência, microcomputadores e impressoras. As câmaras receberam um computador e uma impressora. Com a instalação das salas de videoconferência foi criada a Rede Nacional Interlegis (RNI), ligando o Senado Federal, Câmara dos Deputados, Tribunal de Contas da União (TCU), Câmara Legislativa do Distrito Federal e as Assembléias Legislativas.

Vários produtos e serviços foram disponibilizados pelo programa com objetivo de ajudar no trabalho parlamentar e administrativo das casas legislativas. Exemplos são o Sistema de Apoio ao Processo Legislativo (SAPL) e o Sistema de Apoio à Atividade Parlamentar (SAAP). Todos os sistemas oferecidos pelo Interlegis são em software livre, o que possibilita a sua adaptação às necessidades de cada casa legislativa. Outro produto de enorme reconhecimento é o Portal Modelo, criado para oferecer às Casas Legislativas uma ferramenta que permita que as mesmas publiquem diversos tipos de conteúdo na Internet, aumentando a transparência de suas atividades e a interação com a sociedade.

O Serviço Capacitação Legislativa (SCLE) tem como objetivo a capacitação de legisladores, servidores e cidadãos, em novos processos e tecnologias legislativas e administrativas, além da formulação e o intercâmbio de soluções na área de educação, e tem sido um sucesso do Programa Interlegis. Na sua última edição, em julho de 2007, o número de inscritos para os cursos ultrapassou a marca dos 6 mil. A capacitação se dá nas modalidades de ensino a distância e presencial.

Além dos serviços e produtos, o Programa Interlegis também conta com uma Central de Relacionamento, através do telefone (61) 3311-2556, e também com um sistema de ouvidoria, através do e-mail ouvidoria@interlegis.gov.br , meios por onde pode-se obter qualquer informação em relação ao Programa.
Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.