Programa Nacional de Inclusão de Jovens (ProJovem)

por monicaco — publicado 03/05/2006 14h04, última modificação 03/05/2006 14h05
Colaboradores: Presidência da República
O curso visa a inclusão social de jovens com idade entre 18 e 24 anos e sem emprego, por meio do reingresso no ensino fundamental

O ProJovem foi lançado pelo presidente da República, em fevereiro de 2005, e está implantado em todas capitais e no Distrito Federal. Atende moças e rapazes com 18 a 24 anos de idade que terminaram a quarta série, mas não concluíram o Ensino Fundamental e que não têm emprego com carteira profissional assinada.

O curso dura um ano e vai proporcionar aos jovens a conclusão do ensino fundamental, o aprendizado de uma profissão e o desenvolvimento de ações comunitárias, além do incentivo mensal de R$ 100.

Os alunos terão, ao longo de doze meses, aulas com as disciplinas próprias do ensino fundamental, língua inglesa, informática básica e qualificação profissional inicial adequada às oportunidades de trabalho de sua cidade. Ao longo do curso, eles prestarão serviços comunitários e, para receber o incentivo mensal de R$ 100, terão que cumprir 75% da freqüência às aulas e demais atividades previstas.

Ao final, os alunos estarão capacitados, no mínimo, para elaborar páginas e sítios para veiculação na Web. Ao final do curso, eles receberão os certificados de conclusão do ensino fundamental e de formação profissional inicial. As profissões oferecidas foram escolhidas pelas prefeituras conforme a necessidade do mercado local – são quatro em cada capital, definidas a partir de um elenco de 23 áreas profissionais proposto pelo governo federal.

A ação comunitária é desenvolvida a partir de projeto elaborado pelos alunos, com orientação de assistentes sociais. O objetivo é promover a inserção dos jovens no processo de participação social e valorizar o protagonismo juvenil. Pode incluir a prestação de serviços à comunidade, o desenvolvimento de campanhas comunitárias, vacinação, mobilização social etc.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.