Estudantes visitam Interlegis e elogiam sistema de ensino a distancia do programa

por monicaco — publicado 12/04/2006 15h34, última modificação 19/04/2006 15h06
Estudantes de pós-graduação em educação visitaram nesta terça-feira (11)o programa Interlegis e elogiaram o trabalho desenvolvido na área, principalmente no ensino a distancia, considerado por eles um modelo a ser seguido.

A sede do Interlegis recebeu nesta terça-feira (11) a visita de 30 estudantes de pós graduação  do curso de Especialização em Desenvolvimento e Gestão da Educação Profissional, uma parceria da Universidade de Brasília e do Senac. Os estudantes vieram conhecer mais detalhadamente o trabalho desenvolvido pela educação Interlegis, principalmente na área de ensino a distancia.

Foram recebidos pela coordenadora da Educação Interlegis, Eleida Ribas Dutra e pelo administrador do programa Saberes, Álvaro dos Anjos. A princípio assistiram ao vídeo institucional do Interlegis e depois ouviram as explicações da coordenadora Eleida que juntamente com tutoras explicaram o processo e a metodologia do ensino a distancia do Interlegis.

Álvaro dos Anjos apresentou o curso sobre o Estatuto da Cidade que estão no acontecendo no momento e em software livre. O administrador do Saberes explicou todos os passos do desenvolvimento e implementação do curso.

A Gerente da Divisão de Educação Profissional do Senac/DF, Tomasina Canabrava, que acompanhava o grupo, explicou que o Interlegis foi a instituição selecionada para a visita tendo em vista sua missão, “visão do futuro, atuação estratégica e resultados que se destacam no cenário nacional”.Segundo ainda a professora Tomasina, o Interlegis é uma instituição modelo em educação, principalmente no que tange à educação a distancia.

O curso conta com 41 alunos, todos formados em pedagogia e psicologia que trabalham em educação ou possuem experiência no setor. O objetivo, segundo a coordenadora, é capacitar profissionais de educação no desenvolvimento das competências.


Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.