Ipatinga quer ser polo do Interlegis no Vale do Aço

por Debora Silva Barroso Pais publicado 10/04/2019 11h55, última modificação 11/04/2019 08h04
Casa pretende fazer uma agenda de eventos que dure o ano todo

A câmara municipal de Ipatinga está pronta para receber o Interlegis. Conveniada do Programa desde 2011, a casa quer reativar a parceria adotando Portal Modelo, e-Democracia e e-mail legislativo e sediando um conjunto de oficinas nos próximos meses.

Na manhã desta quarta, o presidente Jadson Heleno Moreira, acompanhado do diretor da Escola do Legislativo, Amaury Gonçalves e do superintendente da câmara, Marcelo Afonso estiveram no ILB para conhecer os procedimentos necessários para a realização dessas ações e foram recebidos pelo servidor do ILB, José Bonifácio de Góis Júnior.

Ipatinga é região metropolitana de Minas Gerais, localizada no Vale do Aço, a 200 km de Belo Horizonte. Em um raio de 100 km alcança aproximadamente 500 mil pessoas. A câmara fica em sede própria e conta com boa infraestrutura, razão porque o presidente deseja tornar Ipatinga referência de modernidade, racionalização de recursos e transparência.

– “Temos toda a estrutura necessária para sermos um polo do Interlegis na região”, afirmou o presidente.

Além de ofício solicitando as ferramentas tecnológicas – a casa já tem SAPL 3.1, mas ainda não alimentou o sistema, Ipatinga também quer receber as oficinas de Portal Modelo e de Sistema de Apoio ao Processo Legislativo (SAPL), Articulação e Compilação de Textos Legais, e-Democracia e de atualização de marcos jurídicos.

– “Viemos aqui construir um plano de atividades permanente, que nos situe como fortes parceiros do Interlegis”, explicou Marcelo Afonso. “Já conhecemos o Programa e sabemos que é excelente. Agora queremos efetivar essa integração”.

Marcelo também frisou que a adesão às ferramentas de transparência do Interlegis, todas gratuitas, é uma resposta para o município, uma vez que a Casa tem passado por uma crise institucional.

– “Queremos dar uma resposta para sociedade”, afirmou o superintendente da câmara garantindo que pretende se apoiar na expertise do Interlegis para mudar a imagem da câmara.

A Casa contará com o apoio dos senadores do estado Antonio Anastasia (PSDB) e Rodrigo Pacheco (MDB).