Câmara Municipal de Floresta, no Pernambuco, deseja implementar e-Democracia e Escola Legislativa

por carlavbs supervisão:deborasbp — publicado 15/05/2019 16h20, última modificação 17/05/2019 16h04
Presidente e primeiro-secretário da Casa vieram ao Interlegis para solicitar serviços

Com o propósito de incentivar a participação dos cidadãos de Floresta – PE, no debate de temas importantes para o Estado, o presidente da Câmara Municipal de Floresta – PE, Adailto Nunes, e o primeiro-secretário da Câmara, Murilo Alexandre, visitaram o Interlegis na manhã desta quarta-feira (15) para discutir a implementação do sistema e-Democracia.

Murilo afirmou que a falta de envolvimento da parcela mais jovem da comunidade com os projetos da Câmara é algo preocupante e é necessário utilizar recursos mais modernos e tecnológicos para atrair esse público.

Apresentado pelos servidores do ILB, Janary Nunes e JB de Góis Júnior, o e-Democracia é uma plataforma desenvolvida pela a Câmara dos Deputados e disponibilizada pelo Programa Interlegis para câmaras municipais e assembleias legislativas, que amplia a participação popular por meio de audiências públicas e fóruns de discussão que acontecem dentro do ambiente virtual.

Murilo já foi presidente da Câmara de Floresta, quando foram adotadas na Casa o Portal Modelo e o SAPL. Desta vez ele trouxe o novo presidente para ele conhecer pessoalmente o Programa e os produtos e soluções que ele oferece para a modernização das câmaras e assembleias legislativas.

Além do e-Democracia,  a Câmara também irá solicitar o e-mail legislativo e apoio na criação da Escola do Legislativo que irá melhorar a oferta de treinamentos e capacitação para os servidores e para a comunidade.